pensar

Sinais tranquilos

Ricardo Jorge Pinto 21.04.2016

O primeiro ministro sabe que tem uma viela estreita pela frente, na negociação orçamental. Para já, envia mensagens de tranquilidade. Mas terá de explicar como pretende aumentar expetativas de diminuição de défice mais ambiciosos, com previsões de evolução económica mais moderadas, sem aumentar impostos, ou cortar na despesa de forma violenta.

Relacionados

O mundo que roda

As Revistas de Imprensa são sempre relatórios minimalistas do que acontece no...

Ver vídeo Ricardo Jorge Pinto   17.08.2018

Rio intranquilo

Rui Rio explicou bem ao que vinha. E tem sido coerente. Mas as sondagens não revelam...

Ver vídeo Ricardo Jorge Pinto   14.08.2018

Comentários

Não existem comentários ainda. Porque não ser o primeiro?

Novo comentário