viver

Aquilo em que ele crê

Renato Ferreira 06.05.2016

Às sextas, às seis...um livro.

A sugestão desta semana é de Renato Ferreira.

Cheguei até Hans Kung – teólogo suíço nascido em 1928 – através do livro “O princípio de Todas as Coisas”, que tem como subtítulo “Ciência e Religião”. Na altura (há mais ou menos 3 anos), agradou-me “conhecer” alguém que, sendo um teólogo cristão, se aventurava pelos caminhos da Ciência à procura de estabelecer pontes entre dois campos que normalmente não se tocam.

Einstein, que nutria uma religiosidade cósmica, dizia que “A ciência sem a religião é coxa, a religião sem a ciência é cega”. Pois bem, Hans Kung parece conseguir equilibrar bem ciência e religião naquilo em que crê. No livro sugerido esta semana – “Aquilo em que creio” -, ele faz convergir 60 anos de actividade teológica para tentar responder à questão: afinal, em que é que ele sinceramente acredita, pessoalmente?

Dividido em 10 capítulos, obtemos nesta leitura, por exemplo, propostas de interpretação para o sentido (que ele encontrou) da/na vida, justificações para o sofrimento, uma espécie de comparação e análise da rivalidade entre as várias religiões do mundo atual, procurando atingir considerações pessoais sobre a por vezes tão difícil arte de viver.

Mesmo que não concordemos com todas as visões pessoais de Hans Kung, acho que podemos ganhar muito com a leitura deste seu livro. O desafio de encontrar crenças comuns com ele e o de tentar compreender o outro (ele, neste caso) naquilo que nos separa, acaba por ser um exercício construtivo de aperfeiçoamento constante daquilo em que nós próprios acreditamos, acabando por ser uma leitura que nos oferece novas possibilidades de interpretação – algumas que se calhar nunca tinham sido pensadas na nossa vida.

Hans Kung participou, como perito, na década de 60 do século passado, no Concílio Vaticano II, tendo na altura a companhia de, por exemplo, Joseph Ratzinger. Em 1979 o Vaticano proibiu-o de ensinar teologia católica, devido a certas opiniões contrárias à Igreja Católica Apostólica Romana. Em 1990 nascia o Projeto para uma Ética Mundial, que foi também fruto do estudo de Hans Kung das religiões mundiais ao longo da sua vida, que viria a resultar na criação da Fundação para a Ética Mundial.

“Aquilo em que creio”. Creio ser uma boa sugestão de leitura.

 

 


Relacionados

O podcast do Renato 3

Episódio nº 3 d'O podcast do Renato

Continuar a ler Renato Ferreira   20.09.2018

Acordos e resultados

Angola e Portugal procuram novos acordos. Falta depois apurar os novos resultados...

Ver vídeo Ricardo Jorge Pinto   18.09.2018

Comentários

Não existem comentários ainda. Porque não ser o primeiro?

Novo comentário