pensar

Perdeu. Saiu.

Ricardo Jorge Pinto 04.10.2017

Em vários momentos, Pedro Passos Coelho foi coerente. Também o foi na apreciação que fez da situação do partido, em função do posicionamento que lhe desenhou. Mas a coerência pode não ser eficaz e, como ele uma vez disse, "o melhor político é o que ganha eleições".

Relacionados

Acordo vago

Trump e Kim Jong-un não podiam falhar. Mas o acordo é uma encenação para o tiro...

Ver vídeo Ricardo Jorge Pinto   12.06.2018

Fase final

Com as Legislativas a um ano de distância, a geringonça sente a turbulência da...

Ver vídeo Ricardo Jorge Pinto   05.06.2018

Comentários

Não existem comentários ainda. Porque não ser o primeiro?

Novo comentário